Tag: inovação

Anel transforma seu dedo em uma varinha mágica

Acesse:http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/fotos/anel-transforma-seu-dedo-em-uma-varinha-magica-08032014#!/foto/1

Acessório permite que usuários controlem itens domésticos e aplicativos usando gestos

O anel 'Ring' da Logbar é a mais recente inovação do ramo da tecnologia “de vestir”. Feito para ser usado no dedo indicador, o dispositivo pode ser utilizado para controlar itens domésticos, aplicativos e até fazer pagamentos via internet. O acessório foi criado por uma empresa californiana e tem previsão de lançamento para julho deste ano. As primeiras versões do dispositivo podem ser encomendadas no regime de pré-venda por cerca de R$ 290

O anel “Ring” da Logbar é a mais recente inovação do ramo da tecnologia “de vestir”. Feito para ser usado no dedo indicador, o dispositivo pode ser utilizado para controlar itens domésticos, aplicativos e até fazer pagamentos via internet. O acessório foi criado por uma empresa californiana e tem previsão de lançamento para julho deste ano. As primeiras versões do dispositivo podem ser encomendadas no regime de pré-venda por cerca de R$ 290

Continue lendo…clique aqui….

Curiosidades na internet

A história do ex-motorista de ônibus que criou e lançou no mercado o chinelo quadrado

Acesse:http://pme.estadao.com.br/noticias/noticias,a-historia-do-ex-motorista-de-onibus-que-criou-e-lancou-no-mercado-o-chinelo-quadrado,3133,0.htm

Marcio Fernandes/Estadão
Marcio Fernandes/Estadão
Pena teve a ideia enquanto esperava no farol

O desafio da inovação que persegue pequenos, médios e grandes empresários pelo mundo é também fundamental para o sucesso de quem se predispõe a tentar a vida com a produção de uma máquina compacta no fundo de casa. A afirmação é de Marcelo Nakagawa, blogueiro do Estadão PME e professor de empreendedorismo do Insper.

“A máquina entrega a commodity, que é o produto que todo mundo faz e vende. Cabe ao empresário buscar implementar novidades ao seu produto e se diferenciar. Caso contrário, ele vai ser mais um a dividir um mercado repleto de competidores semelhantes por ai”, conta.

Esse dilema, de fato, nunca passou pela cabeça do ex-motorista de ônibus Moisés Dias Pena, hoje empresário de sucesso do setor calçadista. Em agosto de 2011 ele estava parado em um cruzamento com seu ônibus quando presenciou a cena que mudou sua vida. Aguardando o farol ficar verde, ele prestou atenção em uma mulher atravessando a rua. “Foi Deus quem me inspirou. Ela estava com um chinelo e o dedo do pé para fora, pisando no chão. Eu pensei, ‘se o chinelo fosse quadrado, seria melhor’”, lembra.

Moisés Dias voltou para casa com a ideia na cabeça e comentou com a esposa, Valdete Pena, que estranhou. “Ela me disse, ‘mas não existe chinelo quadrado’, e eu falei, ‘claro que não, se existisse, Deus não teria me dado a ideia de fazer’”, conta ele, que em um final de expediente foi até a região central de São Paulo e comprou por R$ 8 uma peça de pneu de caminhão e, na oficina de casa, fez uma primeira versão de sua invenção.Depois, comprou uma placa de E.V.A, preparou uma versão mais elaborada e a levou ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) para patentear a sua invenção.

“Eu não tinha dinheiro para comprar nenhuma máquina. Mas aconteceu de Deus mais uma vez me ajudar. Fui mandado embora da empresa de ônibus e o dinheiro que recebi, R$ 12 mil, deu certinho para comprar uma máquina e uma tonelada de material para começar a produzir”, relembra. Nascia assim a marca Kuatro Kantos.

Além do formato diferente, as sandálias também passaram por um processo de customização comandado por Valdete Pena, que abraçou a ideia e acrescentou miçangas, strass e afins, detalhes que ajudaram a fazer o negócio prosperar.

Hoje, com seis máquinas, a empresa abandonou os fundos da casa da família e mudou-se para um galpão de 150 metros quadrados. “A gente faturava uns R$ 6 mil por mês no meio do ano passado. No final do ano, em dezembro, quando as encomendas crescem por conta do verão, conseguimos R$ 90 mil”, conta Valdete, que cuida dos números do empreendimento. “Vamos crescer mais. Agora chegamos no  Nordeste e no Norte também, diz a empresária, que também acaba de inaugurar um e-commerce.

Curiosidades na internet

Google quer usar tatuagem e pílulas especiais para aposentar as senhas

Acesse:http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2013/05/google-quer-usar-tatuagem-e-pilulas-especiais-para-aposentar-senhas.html

Tatuagem eletrônica que criptografa senhas e uma pílula que transforma o corpo em “token”. Essas são as duas apostas do Google para aposentar de vez as senhas. Os projetos foram mostrados por Regina Dugan, a atual líder da divisão dos projetos especiais da Motorola e ex-diretora da DARPA, em uma recente entrevista.

O protótipo da tatuagem eletrônica mostrado por Regina Dugan (Foto: Reperodução/ The Verge)O protótipo da tatuagem eletrônica mostrado por Regina Dugan (Foto: Reperodução/ The Verge)

 

Ambas as iniciativas foram desenvolvidas em uma parceria com o instituto MC10 da Motorola e as equipes de engenheiros da Google, que têm se mostrado cada vez mais preocupadas com relação à segurança de seus usuários.

A empresa divulgou em uma recente publicação em seu blog uma série de dicas e medidas para tornar as senhas ainda secretas e eficientes, evitando que as mesmas combinações sejam utilizadas para diferentes serviços e definindo métodos eficazes para recuperar passwords esquecidos.

Entrevista pelo site AllThingsD, Regina exibiu os protótipos que irão aposentar as senhas (Foto: Reprodução/ AllThingsD)Entrevista pelo site AllThingsD, Regina exibiu os protótipos que irão aposentar as senhas (Foto: Reprodução/ AllThingsD)

 

No entanto, uma tatuagem eletrônica poderia ser muito mais rápida e eficiente na autenticação de usuários, como demonstrou a própria Regina, ao exibir a marca do protótipo da pesquisa em seu braço. “Alguns jovens provavelmente não gostariam de usar um relógio”, brinca, “mas com certeza faria uma tatuagem dessas apenas para chatear seus pais”.

A pílula chamada de “autenticação vitamínica”, que já foi até certificada como um “remédio” seguro pela FDA  (Foto: Reprodução/ The Verge)A pílula chamada de “autenticação vitamínica”, que já foi até certificada como um “remédio” seguro pela FDA (Foto: Reprodução/ The Verge)

O outro projeto, chamado por Regina de “autenticação vitamínica”, é uma pílula que conta com um minúsculo equipamento alimentado pelo acido estomacal, que funciona transmitindo senhas por um intenso sinal de 18 bits, transformando o corpo do usuário em um token.

Empolgada com a novidade de suas pesquisas, Regina ainda argumentou que não faria sentido desenvolver um sistema de autenticação em vestimentas que podem ser roubadas ou copiadas. “Se você quiser garantir o seu fracasso na inovação, tente remover os riscos”, completa ela, “o tédio é o inimigo da inovação”.

Curiosidades na internet

Governo vai dar R$ 200 mil para 150 start-ups selecionadasPublicidade

Acesse:http://www1.folha.uol.com.br/mercado/1249816-governo-vai-dar-r-200-mil-para-150-start-ups-selecionadas.shtml

O governo inicia em 31 de março as inscrições das start-ups (empresas nascentes de base tecnológica) que quiserem participar do programa Start-Up Brasil.

O anúncio será feito hoje pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, durante o “Global Entrepreneurship Congress”, evento de empreendedorismo no Rio.

Serão selecionadas as empresas que tiveram a maior pontuação, segundo as regras do edital que será publicado amanhã. Entre os critérios estão nível de inovação, faturamento anual da empresa e currículo do candidato.

Interessados terão 30 dias para fazer inscrição pelo site do ministério (mct.gov.br). A previsão para início do projeto é julho. O resultado deve sair 45 dias após o fim do prazo para participar.

O Start-up Brasil faz parte de um programa governamental de estímulo ao setor de tecnologia da informação (TI), lançado pelo governo em agosto de 2012. A iniciativa escolherá 150 empresas.

Cada start-up receberá R$ 200 mil em recursos federais para o desenvolvimento do negócio em até 12 meses, além de um montante variável de investimento privado das aceleradoras.

Curiosidades na internet

Fapesp abre inscrições para programa que financia inovação em MPEs

Acesse:http://classificados.folha.uol.com.br/negocios/1197594-fapesp-abre-inscricoes-para-programa-que-financia-inovacao-em-mpes.shtml

Estão abertas as inscrições para o 1º Ciclo de Análises 2013 do programa da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) de pesquisa inovativa em pequenas empresas (PIPE).

Estão aptos a apresentar propostas pesquisadores vinculados a empresas de pequeno porte (com até 250 empregados) com unidade de pesquisa em desenvolvimento no Estado de São Paulo. Confira o manual.

As propostas de financiamento devem conter projetos de pesquisa que podem ser desenvolvidos em duas fases: demonstração da viabilidade tecnológica de um produto ou processo, com duração máxima de nove meses e recursos de até R$ 200 mil, e desenvolvimento do produto ou processo inovador, com duração máxima de 24 meses e recursos de até R$ 1 milhão.

Estão reservados R$ 20 milhões para atendimento às propostas, que devem ser feitas até 1º de fevereiro de 2013.

Para atender os interessados, será realizada uma reunião técnica sobre a iniciativa no dia 20 de dezembro, das 9h às 12h, no Auditório da Fapesp. As inscrições são gratuitas.

Curiosidades na internet

%d blogueiros gostam disto: