Projeto quer transportar iceberg para fornecer água à população

Acesse:http://www.baboo.com.br/hardware/hardware-tecnologia/projeto-quer-transportar-iceberg

Projeto quer transportar iceberg para fornecer água para população

Georges Mougin tem uma ideia diferente do usual. Ele quer transportar um iceberg de milhões de toneladas, da costa do Canadá, até as Ilhas Canárias, um arquipélago que fica na Espanha. Há 40 anos este homem dedica a vida aos icebergs, aquelas placas gigantes de gelo soltas no oceano. Como fundador da Iceberg Transport International (ITI), empresa responsável por transportar estes pedaços de gelo entre 1975 e 1981, o objetivo agora é maior: fornecer água para a população com o uso de icerbergs.

Projeção e simulação 3D de alta tecnologia

Para que isso aconteça, diferente de 40 anos atrás, Mougin conta com a tecnologia atual, que também na geografia e oceanografia avançou ano a ano. Graças a uma parceria com a empresa francesa especializada em projeção 3D e tecnologias do futuro Dassault Systemes, ele conseguiu montar sua equipe para dar continuidade ao seu trabalho.

Composta de engenheiros, oceanógrafos, geógrafos e especialistas em criação e modelagem 3D e mundos virtuais, ele finalmente teve uma projeção para que seu sonho se torne realidade.

Com a ajuda de um drone submarino que estudou todas as medidas do iceberg escolhido para o transporte, a Dassault Systemes conseguiu reproduzir com um alto nível de realismo o objeto de gelo. Com isso, a empresa criou um mundo virtual em torno do objeto e o projetou em três telas enormes, que podem ser analisadas com óculos especiais 3D.

Projeto quer transportar iceberg para fornecer água para população

Mougin e sua equipe, portanto, puderam analisar de perto todos os detalhes do objeto para viabilizar a viagem de milhares de toneladas pelo oceano atlântico. E a vantagem que a companhia oferece é justamente essa. Diferente de algumas décadas no passado, a ideia não poderia ser de fato viabilizada, por oferecer grandes riscos. Com a tecnologia atual e a projeção 3D criada pela Dassault Systemes, foi possível testar a ideia inovadora. E com uma simulação da realidade para que a equipe descobrisse de daria certo ou não.

O início de uma grande empreitada

Depois de muita pesquisa e análise na textura, peso, medidas, tamanho e aspectos físicos gerais do iceberg, a equipe usou também a tecnologia para cobrir o objeto. Uma espécie de manta sintética que ajuda o iceberg a manter sua temperatura e não derreter até chegar a seu destino final.

No final do teste, a Georges Mougin e sua equipe na Dassault Systemes conseguiram concluir a simulação com sucesso. Mesmo com especulações de tempestades marinhas durante o trajeto e até a quebra do iceberg, ele chegaria a seu destino. Como o barco viajaria em uma velocidade média de 1,5 Km/h, levaria quatro meses para o projeto ser completado.

Projeto quer transportar iceberg para fornecer água para população

Solução permanente

As contas finais revelaram que seriam gastos cerca de 4 mil litros de gasolina para que a viagem fosse realizada. Esta quantidade, porém, se tornaria em 4 milhões de litros de água para a população das Ilhas Canárias.

Como a principal fonte de água do local é conseguida por extração de sal da água do oceano, este processo torna a produção muito cara e que gasta muita energia elétrica, além de poluir os oceanos da região. O que torna a água do local em algo raro e não para todos. Uma das soluções, portanto, seria o uso do projeto de Mougin.

O próximo passo para ele, portanto, é conseguir colocar a missão em prática, já que a Dassault Systemes, com seu mundo virtual, conseguiu provar que essa ideia, até então um tanto utópica, é possível de ser realizada.

Curiosidades na internet